Comportamento,  Opinião

Moça faz 22 e compartilha mais um pouquinho de si

Gosto de tudo que sugere o fim de um ciclo para início de outro. Por isso mesmo Réveillon e aniversário são momentos que me deixam ansiosa pra chegar. Acho que a fé se renova quando surge a oportunidade do recomeço, sabe? Deve ser isso. E, incrível, todo ano é assim: me empolgo com a ocasião até a véspera. No dia eu já fico mais pra lá do que pra cá.

No aniversário é pior. Bate uma introspecção danada, vontade de ficar quietinha no meu canto, meio que processando tudo o que aconteceu e tudo o que eu quero que aconteça. Nos últimos anos, lembro de ficar bem tristinha no dia do meu aniversário, mas, pela primeira vez, meus 22 aninhos me trouxeram um desejo imenso de vida. Viver, celebrar, me cercar das pessoas que amo e da energia de cada uma delas. Tentei. Infelizmente não consegui abraçar todas, mas senti u grande carinho ao ler as felicitações pelos dois patinhos que chegaram à lagoa.

Mas esse desejo não veio do nada, não. O blog tem me ajudado a ver o mundo com outros olhos e a bancar a meta que estabeleci na vida: ser feliz. Obrigada, moças! Ainda não tenho noção de quantas pessoas me leem nem do quanto impacto o dia a dia de vocês, mas sempre que escrevo qualquer linha, seja aqui ou nas redes sociais, a intenção é de levar a vocês essa vontade de vida que tenho conquistado. E que se isso seja contagiante, primeiro, a partir do cuidado com nós mesmas, prezando sempre pelo nosso bem estar e amor próprio. Depois, com a coragem de explorar o mundo e contagiar mais pessoas com essa vontade de vida que vem do amor que a gente nutre pelo reflexo que vemos no espelho. UFA

ei, moça, quantos anos cê tem? 🙈😬🎂 #moçacriada #2patinhosnalagoa

Uma foto publicada por Estela Marques (@mocacriada) em

Estendo meu agradecimento aos meus amigos também, que me apoiam e me mostram dia após dia como é bom ser feliz, ter com quem contar. Confesso que até o último ano eu não tinha noção da importância de tê-los comigo. Agora não quero que desgrudem nunquinha! hahaha <3 Mas o agradecimento principal, primordial, é a Deus e à espiritualidade. Pela vida, pela saúde, pela proteção, pelo cuidado, pela fé que se renova constantemente e pelo aprendizado que essa fé me permite absorver. É essa a fonte de energia para começar e encerrar mais um ciclo, a partir de… ontem (a mudança já começou, morinhas!)!! rs

Prometo que a Moça Criada mais velhinha não desistirá dos seus sonhos e não se importará com os julgamentos dos outros. A Moça Criada também vai curtir cada dia que lhe for dado e guardará uma moeda de R$ 1 mas pode ser qualquer outra hihih sempre que sentir uma pitadinha de rancor por qualquer coisa. Mas, principalmente, a Moça Criada exercerá todo dia o respeito e a gratidão por tudo o que for colocado em seu caminho. Como tem que ser.

Obrigada. <3

—————–x—————-x—————–

Morinhas, estou testando formatos para o canal no YouTube e aproveitei a ocasião para fazer meu primeiro vlog! Compartilhei algumas partes do meu dia com vocês. Me digam o que acharam e aproveitem pra se inscrever no canal, pode ser?! hihi

beijo!

Curiosa, jornalista e libriana. Mestranda no PósCom/Ufba, interessada nos valores - os meus, os seus, os de notícia e os humanos. Se piscar o olho, o cochilo vem, mas os olhos sempre estão abertos para uma série ou outra que desperte o interesse.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *